Meryl Streep se estrepa ao descobrir um Trump no pervertido que chamou de “deus”

Meryl Streep criticou nesta segunda-feira o produtor de cinema Harvey Weinstein por seu “comportamento indesculpável”, mas disse não estar ciente de nenhum rumor sobre seu suposto assédio sexual a mulheres.

SAIBA MAIS

>>>Harvey Weinstein é demitido do próprio estúdio após acusações de
assédio sexual

Streep, que ganhou três Oscars, vinha sendo pressionada para se pronunciar desde que uma investigação da semana passada do jornal New York Times detalhou alegações de várias mulheres a respeito de contatos físicos indesejados e de assédio de Weinstein ao longo de três décadas.

Inicialmente Weinstein, de 65 anos, se desculpou, mas depois ameaçou ir à justiça. No domingo ele foi demitido do cargo de co-presidente do conselho da Weinstein Co por causa da reação negativa à reportagem do NYT, mas não foi acusado de nenhum crime.

Meryl Streep, que em 2012 chamou Weinstein de “Deus” durante um discurso de agradecimento no Globo de Ouro e que atuou em diversos filmes produzidos por ele, disse que “a notícia deplorável sobre Harvey Weinstein chocou aqueles de nós cujo trabalho ele promoveu”.

Mas a atriz disse em um comunicado enviado ao Huffington Post que não tem conhecimento das supostas alegações de que ele se despiu diante de atrizes e assistentes ou de que pediu a mulheres jovens que o massageassem.

Meryl Streep na coletiva de abertura do Festival de Berlim (Foto: REUTERS/Stefanie Loos)

“Harvey apoiava o trabalho intensamente, era exasperante mas respeitoso comigo em nossa relação de trabalho e com muitas outras pessoas com quem trabalhou profissionalmente”, disse a atriz. “Eu não sabia que ele tinha reuniões particulares em seu quarto de hotel, seu banheiro ou de outros atos impróprios e coercitivos”.

As atrizes Ashley Judd e Rose McGowan são algumas das que disseram que Weinstein as assediou sexualmente. Outros pesos pesados de Hollywood, como o diretor Judd Apatow e a produtora Megan Ellison, falaram a favor das mulheres.

Anúncios

Peladão sofre piripaque e morre em carro que tomou de assalto após matar mulher em casa onde teria usado drogas

aaaaaaa

Uma jovem de 18 anos foi morta com nove facadas, na noite deste domingo (8), no bairro Marcílio de Noronha, em Viana, Grande Vitória. Em seguida, o suspeito pediu carona a um vizinho, tentou fugir, mas teve uma convulsão e morreu no meio do caminho.

Vizinhos contaram que Amanda dos Santos Evangelista e Marks Simon Ramos estavam dentro de uma casa e começaram a discutir. Os dois tinham um relacionamento informal. Em seguida, ele começou a agredir a jovem, com chutes e socos.

Os vizinhos, então, acionaram a polícia e mandaram o suspeito parar com as agressões. Marks, no entanto, puxou Amanda pelo cabelo, levou para dentro da casa e a matou com nove facadas.

Alterado, o suspeito saiu de casa pelado e rendeu um vizinho que estava chegando em casa em um Gol branco. Marks exigiu que o homem desse fuga a ele.

Os dois discutiram e o vizinho acabou batendo com o carro. A PM chegou logo atrás para retirar Marks de dentro do carro. Nesse momento, segundo a polícia, o suspeito começou a convulsionar e morreu.

Na casa onde o crime foi cometido, a polícia encontrou vestígios de drogas. O caso vai ser investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

https://g1.globo.com/espirito-santo/noticia/jovem-e-morta-a-facadas-suspeito-tenta-fugir-e-morre-em-viana-es.ghtml

Maradona processa as próprias filhas por desfalque de 6 milhões de reais, diz site

O ex-jogador de futebol Diego Maradonna (Foto: Getty Images)

O ex-jogador de futebol argentino Diego Maradona está processando suas filhas Dalma (30 anos) e Gianinna (28 anos) por desfalque de valor equivalente a 6 milhões de reais de suas contas bancárias. De acordo com o jornal britânico The Sun, a celebridade argentina acredita que suas duas filhas teriam movido o montante para um banco no Uruguai. (O ex-jogador de futebol Diego Maradonna (Foto: Getty Images)

Maradonna trabalhando como técnico do Al Fujairah SC (Foto: Getty Images)

Segundo a publicação, o ex-atleta também acredita que sua ex-esposa e mãe de suas filhas, Claudia Villafane, seria a responsável pela operação. Hoje aos 56 anos, Maradonna já havia acusado a ex em 2015 de roubar dinheiro de sua conta bancária, naquela época o equivalente a 28,14 milhões de reais. (Maradonna trabalhando como técnico do Al Fujairah SC (Foto: Getty Images)

Maradonna com as filhas Dalma e Gianinna  (Foto: Getty Images)

Na época das acusações em 2015, as filhas de Maradonna depuseram a favor da mãe no processo e disseram que ela não havia sido responsável pela perda de dinheiro do pai.

http://revistamonet.globo.com/Celebridades/noticia/2017/10/maradona-processa-filhas-por-desfalque-de-6-milhoes-de-reais-diz-site.html

Cachorrinho não queria abandonar amigo morto, diz polícia nos EUA

Pastor foi levado a abrigo e colocado para adoção (Foto: New Jersey State Police/Facebook)

Policiais do estado americano de Nova Jersey relataram que, ao atender uma ocorrência de uma morte de cachorro na rodovia interestadual 280, em Newark, encontraram um pastor alemão que não queria sair do lado de um pit bull morto. (Pastor foi levado a abrigo e colocado para adoção (Foto: New Jersey State Police/Facebook)

 https://g1.globo.com/mundo/noticia/cachorrinho-nao-queria-abandonar-amigo-morto-diz-policia-nos-eua.ghtml

 

Homem vence luta com cobra gigante de 7,8 metros na Indonésia

Foto mostra serpente de 7,8 metros morta após ataque a homem (Foto: Handout / BATANG GANSAL POLICE / AFP)

Uma píton gigante, com 7,8 metros de comprimento, foi morta após atacar um homem na Indonésia. As imagens foram registradas pela polícia de Batang Gansal, na ilha de Sumatra, e divulgadas nesta quarta-feira (4). (Foto mostra serpente de 7,8 metros morta após ataque a homem (Foto: Handout / BATANG GANSAL POLICE / AFP)

Cobra ficou mostrada por moradores da região (Foto: Batang Gansal Police/AFP)

SAIBA MAIS
>>>Homem é picado por jiboia e dentes do animal ficam presos na mão da vítima em Montes Claros

De acordo com a agência AFP, os moradores mataram a cobra após o feito do “lutador” e exibiram a cabeça. O cadáver do réptil foi cortado, frito e depois comido pela comunidade. (Cobra ficou mostrada por moradores da região (Foto: Batang Gansal Police/AFP)

Ainda segundo a agência, o animal quase cortou o braço do homem. O caso ocorreu no último sábado, 30 de setembro.

 https://g1.globo.com/natureza/noticia/homem-vence-luta-com-cobra-gigante-na-indonesia.ghtml

Repórter japonesa morreu de ataque cardíaco depois de acumular 159 horas extras em um mês

Foto: Internet/Reprodução
O canal estatal japonês NHK se comprometeu a modificar suas práticas de trabalho após a revelação de que uma de suas repórteres faleceu, vítima de um ataque cardíaco, depois de acumular 159 horas extras em um mês.
Miwa Sado, de 31 anos, que trabalhava na editoria política em Tóquio, foi encontrada morta em sua cama em julho de 2013.
Um ano depois, as autoridades japonesas concluíram que a morte foi provocada por uma quantidade excessiva de horas extras. Ela teve apenas dois dias de descanso no mês que precedeu o falecimento.
A NHK decidiu divulgar o tema quatro anos depois da tragédia, pressionada pelos pais da jovem repórter, que exigem medidas para evitar casos similares.
Este caso evidencia o problema conhecido como “karoshi”, a morte por excesso de trabalho, em um país famoso por suas jornadas de trabalho intermináveis. E é constrangedor para a NHK, que faz campanha contra a prática.
Miwa Sado cobriu as eleições para a Assembleia da cidade de Tóquio em junho de 2013. No mês seguinte trabalhou na cobertura das eleições para o Senado e faleceu três dias depois da votação.
A notícia deixou o país consternado, depois que o canal NHK fez muitas reportagens de casos parecidos ocorridos em diversas empresas.
“Lamentamos ter perdido uma excelente jornalistas e levamos muito a sério o fato de que foi detectado um vínculo entre sua morte e o trabalho”, afirmou o presidente da NHK, Ryoichi Ueda.
“Vamos continuar trabalhando a favor de uma reforma, com a ajuda de seus pais”, completou.

PM prende casal que quase mata outro casal ao disparar tiro que atinge pata de cão

Uma briga de dois casais por uma simples dívida da venda de uma sandália, que poderia ser evitada, quase acaba em tragédia. Um casal identificado como, ele M.S.P., de 32 anos, e ela Y.V.S.S., de 23 anos, foi preso e autuado em flagrante. O homem ainda chegou a atirar no casal, cuja mulher está grávida, mas a bala atingiu a pata de um cão de estimação da família.

Ele foi autuado em flagrante em crimes de tentativa de homicídio, ameaças de morte,  corrupção ativa, porte ilegal de arma de fogo e tentativa de suborno aos policiais que atenderam a ocorrência. E ela foi autuada em crime de ameaça de morte.

As vítimas, um casal de 24 e 25 anos, respectivamente, segundo o Boletim de Ocorrência da Polícia Militar (PM) moradores do bairro  Nossa Senhora Aparecida, em Várzea Grande (Grande Cuiabá), contaram à Polícia, que receberam a “visita” do casal, e o homem estava armado com um revólver calibre 38, arma apreendida dentro de um terreno baldio.

A vítima grávida contou ainda à Polícia Militar, que se desentendeu com Y.V.S.S., que foi até sua residência para cobrar uma dívida da compra de uma sandália modelo “rasteirinha”, e saiu do local ameaçando que retornaria com o marido para se vingar.

Dito e feito. Logo em seguida a mulher voltou junto com o marido. Armado e fazendo ameaças de morte, o homem passou a discutir e ameaçar tanto a gestante quando o companheiro dela, que apareceu para intervir.

FUGA E PRISÕES – Durante a discussão, segundo a Polícia, por motivos fúteis, o homem efetuou tiro que atingiu pata do animal do casal. Logo os dois fugiram do local, mas foram localizados por policiais militares em uma casa no bairro Vitória Régia, em Várzea Grande.

Com medo da prisão, o casal ainda chegou a apagar as luzes da casa, mas acabou sendo preso. Ai o acusado ainda cometeu mais um crime. Ele ofereceu R$ 2 mil para que os policiais militares não levassem, nem ele, nem a mulher dele.

Não teve jeito. Sérios e honestos, os policiais militares levaram o casal para a Central de Flagrantes de Várzea Grande, onde os dois foram autuados em flagrante em diversos crimes. O casal jogou a arma em um terreno baldio, mas os policiais militares procuraram e a localizaram.

https://www.24horasnews.com.br/noticia/pm-prende-casal-que-quase-mata-outro-casal-ao-disparar-tiro-que-atinge-pata-de-cao.html