Filho adotivo manda matar pai e irmã

Filho adotivo manda matar pai e irmã

A polícia informou que Glauco Luiz Antony Barros, 29, filho adotivo do dentista Francisco Ferreira Barro, de 72 anos, assassinado no dia 16 de fevereiro, é suspeito de ser mandante do crime. Glaucia Rayssa Antony Barros, de 25 anos, irmã do acusado, também foi assassinada. O duplo homicídio aconteceu em Coari, a 363 km de Manaus.

De acordo com a Polícia Civil, Glauco teria matado o pai e a irmã para ficar com parte do dinheiro do imóvel posto a venda pela família, avaliado em R$ 100 mil. Segundo as investigações, a maior parte desse dinheiro iria pagar os estudos de uma outra irmã do suspeito, que estuda medicina na Bolívia.

Dois homens invadiram a residência do dentista e pediram celulares dos moradores. Ao entrar no quarto das vítimas, os suspeitos atiraram contra pai e filha. Glauco tem histórico de ameaças ao pai e tentativa de agressão à irmã, informou o G1.

“O Neto, que era filho do dentista, mais conhecido como Sr Assis, tinha contratado outra pessoa por R$ 5 mil – cuja alcunha era neyzinho – este chamou o foragido de justiça para quebrar algum (matar a vítima), mas era simulado para ser um roubo”, disse o delegado Juan Valério.

“O pai dele ia pegar a maior parte do dinheiro e ajudaria outra filha a custear os estudos. Uma pequena parte ia para o Neto [suspeito]”, disse o delegado.

De acordo com a publicação, os suspeitos de cometer o crime também foram presos.

http://www.24horasnews.com.br/noticias/ver/filho-adotivo-manda-matar-pai-e-irma.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s