Africano que queria ir para Guiana vai parar em Goiânia por engano

Nascido em Gana, na África, o professor Emmanuel Akomanyi, de 29 anos, foi parar em Goiânia por engano ao tentar viajar à Guiana Francesa. As informações são do site G1. Ele contou à TV Anhanguera, filiada da TV Globo em Goiás, que a confusão ocorreu no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, onde desembarcou vindo de Gana. Em Guarulhos, pediu a um funcionário de uma agência de turismo uma passagem para o país vizinho. No entanto, o atendente confundiu a pronúncia e entendeu que ele se referia à capital goiana. Agora, o africano não tem dinheiro para seguir viagem. (Professor africana compra passagem para Goiânia, mas queria ir para a Guiana Francesa – TV Globo / Reprodução)

O africano só não está na rua devido à ajuda de funcionários e passageiros do Aeroporto Santa Genoveva, que custearam a estadia em um hotel simples da capital por alguns dias. Depois, a dona de casa Lourdes Ricardo ofereceu um quarto em sua residência para que o professor se hospedasse. Lourdes iniciou uma campanha para ajudar Emmanuel a seguir viagem. “Eu queria que as pessoas colaborassem também doando dinheiro. Se alguma agência de viagem puder dar uma passagem também, ele ia ficar muito grato”, pediu Lourdes na reportagem da TV.

Emmanuel só descobriu que estava na cidade errada quando entrou dentro do táxi em Goiânia, no dia 14 de fevereiro, e mostrou o endereço de uma universidade na Guiana Francesa. “Então, ele [taxista] me mostrou no mapa onde eu estava: Goiânia. E eu disse: Estou perdido”, relatou o professor.

A agência de turismo que vendeu a passagem de São Paulo a Goiânia, a Visão Turismo, informou, em nota, que opera há oito anos no Aeroporto Internacional de Guarulhos e que todos os funcionários falam inglês. A empresa afirma que o cliente pediu a passagem para Goiânia e não à Guiana Francesa, e ainda ressaltou a diferença de preço entre as passagens.

O africano deixou a família em Gana porque queria ser médico. Conseguiu uma bolsa de estudos na Guiana Francesa e economizou por dois anos até conseguir viajar ao Brasil. Como gastou parte do dinheiro para comprar a passagem errada, Emmanuel não tem a quantia suficiente para viajar ao país vizinho ao Brasil.

A companhia Gol informou que apenas transportou Emmanuel de São Paulo a Goiânia.

CASO SEMELHANTE NA COPA

Essa não é a primeira vez que um caso desses acontece no Brasil. Durante a Copa do Mundo, um casal de australianos que viria ao país para assistir aos jogos do Mundial em Salvador, na Bahia, descobriu que a agência de viagem reservou as passagens para El Salvador, na América Central.

Na ocasião, Orin e Melissa van Lingen descobriram o erro quando faziam uma escala em Los Angeles, nos Estados Unidos. O casal saiu de Darwin, no norte da Austrália. Eles viriam ao Brasil para assistir a partida entre Holanda e Espanha, único ingresso que eles tinham. Após a divulgação do caso, a agência se desculpou e conseguiu outro voo para o Brasil.

http://oglobo.globo.com/brasil/africano-que-queria-ir-para-guiana-vai-parar-em-goiania-por-engano-15412055?utm_source=Facebook&utm_medium=Social&utm_campaign=O+Globo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s